Notícias
 
0
comentarios

Em comemoração aos seus 27 anos, o Balé da Cidade de Teresina disponibiliza espetáculo

Notícias

Daniel Peixoto regrava “Postal de Amor” com Filipe Catto

Originalmente gravada por Ney Matogrosso e Fagner, a música foi lançada em 1975.
Postado em 29 de abril de 2020 Seja o Primeiro a comentar
Capa Site

O cantor Daniel Peixoto lança no próximo dia 1º o single “Postal de Amor”, originalmente gravado em 1975 por Ney Matogrosso e Fagner. Na nova versão, o líder da banda Montage divide os vocais com Filipe Catto em releitura eletrônica que celebra a parceria entre dois dos mais emblemáticos cantores da música queer brasileira e da nova MPB. A canção estará em todas as plataformas digitais a partir de sexta-feira, dia 01º de maio.

A nova produção é inspirada na mistura do trip hop com a música popular brasileira e leva assinatura de Rodrigo Brandão e Carlos Gadelha. Duas semanas após seu lançamento, “Postal de Amor” ainda será contemplada com remixes em versões electro e techno. As versões são assinadas pelos DJs L_cio, responsável pelo renascimento de “Construção”, de Chico Buarque, nas pistas de dança; e Malka, artista trans revelação da cena paulista.

A faixa visita a melancolia do passado, com beats e timbres do pop contemporâneo, enquanto serve como trilha sonora de um filme imaginário, misturando lirismo e drama, elementos já característicos nos trabalhos de Peixoto e Catto. As vozes dos artistas se entrelaçam entre um verso e outro, costurando uma história de amor trágica e apaixonante, narrada por dois pontos de vista complementares e, ao mesmo tempo, conflitante.

Composta por Fagner, Fausto Nilo e Ricardo Bezerra, “Postal de Amor” faz parte do projeto DP, pelo qual Daniel tem lançado singles inéditos e remixes de músicas já presentes em seu repertório, retrabalhadas por produtores celebrados na cena eletrônica. Através dele, já foram disponibilizadas uma versão do cantor para “O Vira”, clássico da banda Secos & Molhados; um álbum de remixes com assinaturas de Jaloo, Edu K, Las Bibas From Viscaya e DJ Waldosquash; e o clipe para a canção “Colégio de Aplicação”, releitura dos Novos Baianos que ganhou a bênção de Moraes Moreira durante a gravação.

Peixoto e Catto 2